Marcadores

sábado, 16 de junho de 2012

Poetrix -Ilha do Combu - para a série “Pará de tantas belezas e encantos”

Poetrix -Ilha do Combu - para a série “Pará de tantas belezas e encantos”
 




 Ilha do Combu

 De nativos ribeirinhos
 Margem esquerda Rio Guamá,
 Belém bem a sua frente!
 

 





Essa tal felicidade...



Essa tal felicidade...


Essa tal felicidade, quem sabe aonde encontrar?
Busco-a sempre e em todo canto e nada, nenhum sinal...

Pensei achá-la no sol, quiçá na luz do luar
Talvez nas coisas mais simples, onde encontrar afinal?


Será que é invisível aos olhos, acaso é essencial?
Terei que sentir, apurar, com o coração enxergar?
Essa tal felicidade, quem sabe aonde encontrar?
Busco-a sempre e em todo canto e nada, nenhum sinal...
 


Por vezes procuramos longe, no afã de alcançar,
Outras queremos pegar, sentir dela o material,
Esquecemos das medidas, e vôos queremos alçar,
Ou perdidos mergulhamos no mais profundo abissal,


Essa tal felicidade, quem sabe aonde encontrar?








Como disse Exupéry - Rondel






 Como disse Exupéry
 


  Eis o meu segredo, só se vê bem com o coração...
  Torna-te eternamente responsável por aquilo que cativa,
  Disse Sant- Exupéry, Do “Príncipe” observação,
  Olhar com a alma, sentir a emoção, energia positiva,

 Criar laços, cativar, necessidade mais que efetiva,
 Ser paciente, amigo, algo que não se compra não,
 Eis o meu segredo, só se vê bem com o coração...
 Torna-te eternamente responsável por aquilo que cativa,

Ser para alguém uma estrela, raio de sol, mansidão,
Ser lembrança verdadeira, não negar a mão amiga,
Conquistas custam esforços, doação, concessão,
Ter uma única flor e ser a mais bela, a mais viva!


Eis o meu segredo, só se vê bem com o coração...















Múltiplos caminhos ao paraíso (EC)

Múltiplos caminhos ao paraíso (EC)

 


Existirão? - Poetrix

Várias inúteis tentativas,
Travado... Trancafiado,
- em vão...


 ...................






Teus beijos, chaves secretas -Sensualtrix

Portas arreganhadas
Rumo ao paraíso...
Levo-te a galope...

   



.................
 

Chave e paraíso (um quase Tautograma)

Cultivar capaz carinho,
Como consagrar, cativo coração?
Cores colorem caminho,
Cortar cadeados, chaves conseguirão?



 Pensamento perene, pura paisagem
 Procurar plenitude, perpetuação,
 Paraíso pedido, prazer, perfeição...
 Paz pedindo passagem,


 

Praticar pequenos conceitos, prezar, consideração;
Compreender coisas controversas,
Preservar coerência, partilhar concretas palavras,
Paz com poderes, cura pela paz...
Chaves com certeza conseguir,
Cortando cortinas, clareando céus...
Perto, Paraíso Conquistar!


 


*****

Este texto faz parte do Exercício Criativo - As Chaves do Paraíso
Saiba mais, conheça os outros textos:

http://encantodasletras.50webs.com/chavesdoparaiso.htm

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....