Marcadores

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Jambu: Em versos e trovas! - Da Série “ Coisas e delícias do Pará”

                    
   Jambu: Em versos e trovas! - Da Série “ Coisas e delícias do Pará”
 



           I            
Paladar inigualável
Leve ardência provocar
Adormecer agradável
Exótico degustar.

II
Tremilicando gostoso
Com tacacá, arroz ou pato
Especial e saboroso
Delícia de tantos pratos!

III
Culinária não somente
É mais que revolução
Da beleza novo agente
Da mulher renovação.

IV
Diversidade na cura
Dor, anemia, inflamação
É grande a sua procura
Da cobiça a admiração!

V
Spilanthol rejuvenesce
Riqueza óleo essencial
Jambu que a boca amortece
Anestesiar natural.


VI

Oripepé, jamburana,
Agrião-do-Pará, nhambu,
Agrião-bravo, jambuarana,

Pingo-de-ouro, jabuaçú!
 

Nenhum comentário:

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....