Marcadores

terça-feira, 1 de setembro de 2015

E lá vem ela - toda bela, em setembro (reedição).





E lá vem ela - toda bela, em setembro (reedição).


Ela vem...
Chegando, toda faceira,
Encantadora e encantada,
Entre princesa e fada, bela que é ela,

Que bela...

Cheirosa, inebria os ares,
Por onde passa faz suspirar,
Que aroma, provoca o sonhar, É ela.

Sestrosa, menina garbosa.


Ela vem enfeitando o olhar
Preenchendo de cores o imaginar,
Ela vem em rosas, vermelhos, amarelos,

Violetas quando quer apaixonar,


Mas sábia também se veste de paz,
Vem alva e tão pura, nos faz relaxar,

meditar...


Vem variadamente,
Múltipla e ardente,

Linda abundantemente
E tantos corações a agradar,
Invariavelmente.

 



Os poetas a clamam
Aclamam,
Inspiram-se em seu existir,
Fazem lindas canções, ricos versos,

Só pelo seu desabrochar, entreabrir...


E aos amantes?
Embala os dolentes ais,

Inspiração dos enamorados.
Do amor o esperançar.


Ah, ela vem chegando,
Bonequinha delicada,
Que também exubera, enfeitiça,
Vem moça de tantas armas,
 Segredos nova quimera...

É de todo feminina,
Realeza entre os varões,


Fêmea, fatale, felina,
Fulgurante, fugaz,
Flor...
Fagueira, formosa,
Feito primavera,
Qual o tempo que chega,
Em setembro.


 



Homenagens:

“... Quando entrar setembro
E a boa nova andar nos campos
Quero ver brotar o perdão
Onde a gente plantou
Juntos outra vez...”

(BETO GUEDES)
 
 

Um comentário:

Toninho disse...

Que boa reedição.
A Primavera é mesmo uma estação dos encantos amiga.
Uma linda construção/inspiração.
Aplausos
Bju poesia

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....