Marcadores

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Salvaterra em trovas - Da série “ Pará de tantas belezas e encantos”

Salvaterra em trovas - Da série “ Pará de tantas belezas e encantos”


A paz parece reinar
Tem ar puro, natureza
Ventania faz seu cantar
Terra de rara beleza.

Lugar onde fui criada
Onde vivenciei dias belos
Salvaterra és encantada
Pedaços de mim singelos...


Igreja que tanto estive
Praçinha da diversão
Farol aventuras tive
Saltitante coração!

Morada na beira - mar
Dormindo ao som da maré
Ouvir o encher e vazar
Sons para sonhar até...

O Nascer do sol espiar
O por do sol todo dia
Quão belo te contemplar
Salvaterra de alegria!

 

Foi meu castelo de mar
De areia palácio fazer
Terra do nunca pensar
Não querer jamais crescer.

Amigos inesquecíveis
Primeiro amor, tudo lá
Primeiros anos incríveis
Cheios de magia singular.

 

De dia praia, farra e algazarras
A noite roda brincar
Ouvir histórias bizarras
Apenas a luz do luar


Crer na matinta - pereira
Do lobisomem pavor
No São João pular fogueira
Comadre, amigos, amor...


Desenhar nuvens no céu
Macaca e adivinhação
Chuva e Barco de papel
Fazer sombras com a mão

 
Salvaterra terra linda
É lugar guardado em mim
De ti tudo guardado ainda
Saudade transcrita assim

 
Eu me fui, mas tu ficaste
Por várias vezes voltei
E sempre tu me abraçaste
E nunca te esquecerei...

 




 

Nenhum comentário:

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....