Marcadores

sexta-feira, 15 de abril de 2016

A pressa do tempo



Mais uma brincadeira na qual me inseri: Blogagem Coletiva proposta pelas meninas: Mari e Silvana!
        Aceito o desafio, postarei a cada sexta, no meu Blog e nas páginas delas, sendo a cada sexta, uma nova imagem (Por elas proposta) e 140 caracteres.



BC Uma Imagem, 140 Caracteres #134 no Blog de Mari







A vida que passa com pressa, corrida, desenfreada, o tempo que rouba o tempo,  que acelera  e  que tudo passa sem que vejamos dela  o fluir.




9 comentários:

pensandoemfamilia disse...

Sim a pressa esgota o tempo e sem percebermos ele flui e deixamos de usufruí-lo.
Bonita e reflexiva participação. Bjs
Bom final de semana.

Roselia Bezerra disse...

Boa tardinha, querida Roseane!
Assim não vale viver... convém a gente se esforçar por mudar o ritmo do nosso tempo...
Muito bonito e real!
Bjm muito fraterno

Silvana Haddad disse...

Pois é Roseane:
Vivemos tempos acelerados e frenéticos...que não nos permite aproveitar bons momentos e desfrutar da companhia das pessoas importantes em nossa vida.
Bom final de semana!
Bjokas.:
Sil

✿ chica disse...

Essa pressa desenfreada não nos deixa ver lindos pormenores da vida! bjs, chica

Celina Pereira disse...

Boa noite, Roseane!
Tem razão.
Precisamos sentir a vida fluir.
Tenha uma ótima semana!

Toninho disse...

Uma bela noite Roseane.
A pressa para o nada, o tempo que não espera.
A vida que passa na ampulheta do tempo.
Bonita reflexão.
Meu terno abraço

Mari B. disse...

É por causa dessa pressa desenfreada que sempre achamos que os dias passam rápidos e que não estamos vivendo completamente.
Bela reflexão.
Abraços
Mari

Sonia Tolfo disse...

Minha participação também fala da pressa e de como ela nos impede de ver e viver.
Abraço, boa semana!
Sonia

Toninho disse...

Olá Roseane, estranho não ter lido esta inspiração, que belamente fala do tempo com todas suas artes.
Bonito amiga.
Abraços com carinho.

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....