Marcadores

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Descubra-me ! ( eu deixo)




Descubra-me! (eu deixo)


Cubra-me, abrace-me.
De festas e flores
De rio e olores
Ate-me..., faça-me...



Sonde-me, quero o teu indagar.
Tenha nas mãos o meu conhecer
Deixo que queiras
Querer o meu querer...


Deixo que venha
Que não se contenha
Que saiba de mim
Como nunca vou saber...


Deixo que solte as amarras
Que rume ao meu mar
Sem medo, sem armas.
Que venha, entenda do meu navegar...


Deixo que seja começo
Que roube de mim um sussurro
Que queira pular os meus muros
Que cate comigo estrelas... do mar...



Faça perguntas e tenha respostas do olhar
Deixo por fim que me cale,
Que olhe nos olhos, não fale.
Silêncio dos lábios a se convidar.


Deixo,

Um beijo que destempere
Desate nós, desprenda do chão.
Faça ruir de vez a razão,
Cujas horas pareçam vãs.


Deixo que um beijo,
Que hora desejo,
Tome de vez o lugar da solidão...

Nenhum comentário:

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....