Marcadores

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Quando de mim sou ausente...



Quando de mim sou ausente...

Ando naqueles dias de repartimento,
Repartir.
Quando há algo na engrenagem que se amiúda dentro de você, e vai repartindo, repartindo, remoendo,mastigando, lacerando...
Esfacelar.
Algo que parte e espedaça,
Desalenta.
Ando acabrunhada de mim.
Um não sei que de revoltosa maresia,
Se um barco, a esmo, quase a naufragar...

Se naufrago, a mitigar a solidão...
Há um desassossego descomunal,
Um revolver de entranhas.
Turbação.

Há em mim,
Um murmúrio repetido que é quase ensurdecedor...
Ando naqueles dias de contar letras que se separam,
Quando consoantes rejeitam veementemente as vogais,
Dias sem pontos nem vírgulas.
De textos sem parágrafos, inteiros, longos e arfantes...

Ando sem verso e sem prosa
Dias de poesia espremida.
Dias de torcer a palavra.
E retorcer,
E distorcer.

Dias que sugam a sorte.
Cercados de desertos.
Incertos.

Ando sem rumo,
Surda no que me é falta de cor e calor.
Cega,
Quando o silêncio é açoite e abandono...

Dias assim...
Apartados,

Ando assim,
Ausente de mim...

Nenhum comentário:

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....