Marcadores

terça-feira, 16 de junho de 2009

Janelas Para o Céu....



Janelas Para o Céu...


Janela 1

Debruçar
Do alto avistar
Encontro de azuis - céu e mar.


Segunda janela

Ampla, escancarada
Fenda para o passado
Velhos sonhos revisitar.


Janela 3

Nau fundeada
Do convés diminuto sinal
Baia e calmaria.


Quarta janela

Descerrar
Plena visão
Olhos meus,


Janela A_ final

Cristalino, permanente
Tu,
Minha retina .

2 comentários:

Jorge Sader Filho disse...

E Rose nos deixa sem saber. Na janela final, é o Príncipe Encantado ou a sua retina?
Beijos.

Caio Martins disse...

A gente vem por aí, de cá pra lá, de repente se depara com as janelas nos espiando, na frente um céu pedindo voo (pobre, tiraram-lhe o charme, sumindo com o acento)atrás da parede, jaguatirica alerta, a poesia escreve sua poeta. Fica, sim, "na retina, de quem vê"...
Abração. Volto sempre.

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....