Marcadores

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Um dia para lá de especial




Um dia para lá de Especial (EC)

Santa Ana e São Joaquim. Ela protetora das mulheres grávidas, dos que desejam ter filhos, segundo a história Mãe de Santa Maria. São Joaquim o pai de Maria.
Conta a história que Santa Ana já possuía uma idade avançada e não engravidava, mas nunca perderam a confiança e a fé, um dia Joaquim retirou-se em meditação ao deserto, um Anjo do Senhor apareceu e disse que Deus concedeu a graça de poderem ter um filho. Joaquim voltou e tempos depois Santa Ana engravidou e nasceu Maria que seria futuramente a mãe de Jesus.
Dia 26 de julho, dia de São Joaquim e Santa Ana, padroeiros dos Avôs e das Avós.

Mas isto é começo da história. Só o início, afinal avôs e avós são “o que há”.


A por assim dizer faculdade de ser avô ou avô não tem data ou idade, alguns o são bem jovens, outros na idade mais madura. O que conta é a decorrência de tudo, nossos filhos, que tem seus próprios filhos e que nos presenteiam com esta herança delicada e doce.
Ser avós é um exceder no querer bem, no conceder. No doar-se sem medo ou reservas.

Lembro um fato que aconteceu comigo, meu pai condenou meu casamento precoce, e meio que me destituiu do “cargo” de filha. Casei e tive a filha sem as “bênçãos” dele. Ficamos sem nos falar, não por mim, mas porque ele havia me deserdado digamos assim. A vida correu,e um belo dia quando a filha tinha dois anos eu creio,decidi visitá-lo no Marajó, fui na certeza de que ou ele me receberia ou eu iria para um hotel, mas o certo é que eu iria. Não avisei, tomamos um navio (somente eu e ela) e chegamos às terras que eu tanto tinha saudades. No início ele ficou meio estranho, desconfiado, mas a graçinha da filha conquistou a ele de cara, e logo estavam os dois brincando ela montada nas costas dele fazendo de “boi”, colocando “chiquinhas” nos cabelos dele, passando talco, maquilando e ele aquele homem duro e moralista que havia me mandado embora, tava lá, bobo até o fim. Virou um avô juramentado, como diria Odorico.
Avôs e avós são assim, exatamente assim, seus corações não tem limites ou fronteiras, seus amores são acrescentados, acrescidos de muito mais tempero, de muito mais amor.
Lindo dia dos Avós para todos os Avós!

*****
Este texto faz parte do Exercício Criativo - Dia dos Avós
Saiba mais, conheça os outros textos:
http://encantodasletras.50webs.com/diadosavos.htm

Nenhum comentário:

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....