Marcadores

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Dança dos lábios




Dança dos lábios - INDRISO


Passeia minha boca qual navegando nua, na tua
Dedilhando teus lábios os meus vão lânguidos seguindo,
Delírio e devaneio nos teus descaminhos, meus desatinos.


Dança do véu, entontece meus lábios no teu céu,
Descobre segredos, decifrando teu gosto, doce do mel,
Boca embevecida passeia no que de ti vai sorvendo.


Dançam por entre nuvens meus lábios, tua boca, meu palco...

Ápices dos atos, culminante desfecho do amor, êxtase e torpor...

2 comentários:

Jorge Sader Filho disse...

Segue, com versos amorosos, nossa poeta tão leve...

Beijos, Rose.

Pétalas D'Alma disse...

Um indriso doce e encantador!! Bjus querida amiga, Sol

Dezembro vindo.....

Daisypath Anniversary tickers
Monarch Butterfly 2

Escrevo para.........

Quando escrevo exorcizo fantasmas, é meio abstração e também minha realidade se despindo.Sou eu me confessando a mi mesma.

Um Poetrix ...verdinho......


Escrevo para....

Escrevo para por no mundo pequenas ânsias, escrevo para aportar desejos aflitos, escrevo para me salvar, é como Jogar as âncoras, o barco ora vai ao sabor das ondas, ora é a deriva....
Escrevo para acariciar as suas almas,e ser tocada por seus olhos impressos de brilho!
escrevo para Gozar,Flutuar, ser e merecer, Escrevo para seus delírios, seu deliciar!
Escrevo para vocês,
Agradeço seus olhos em mim, na minha ruptura poética!
Escrevo!

Muito grata por me sorverem as letras!
A todos que aqui passarem seus olhos, mentes e corações!
Rose

Sobrepondo Sonhos.....